Não se trata apenas de fazer um bom planejamento, mas de utilizar ferramentas adequadas para a otimização das atividades no processo de elaboração e execução de projetos.

O erro de muitos gestores é trabalhar com dados e informações (geográficos ou não) de baixa ou nenhuma qualidade, levando a interpretações errôneas e que comprometem seriamente a confiabilidade do produto final.

A utilização do geoprocessamento tem sido a solução para a organização e o tratamento de informações espaciais georreferenciadas. Mas o que é geoprocessamento? Como aumentar os resultados de projetos com essa ferramenta? Continue a leitura e saiba mais!

O que é geoprocessamento?

Geoprocessamento é um conjunto de técnicas e ferramentas matemáticas e  computacionais para o tratamento de informações e dados de processos que ocorrem no espaço geográfico. 

De forma simplificada, pode-se dizer que geoprocessamento é uma ferramenta indispensável para o crescimento dos negócios. É por meio dele que uma série de problemas podem ser resolvidos, e o gestor pode conhecer melhor a realidade da sua empresa e suas possibilidades.

O geoprocessamento associado às técnicas e métodos atuais de mapeamento (topografia convencional, imagens de satélites, GPS – Sistema de Posicionamento Global por Satélite, bem como inúmeras outras formas de aquisição de dados e informações), possibilita a aquisição e a análise de mapas temáticos e a quantificação de áreas, como por exemplo: açudes, barragens, estradas e cercas, áreas degradadas, bem como outras formas de utilização.

Quais os principais métodos utilizados no geoprocessamento?

Como dito anteriormente, o geoprocessamento utiliza um conjunto de tecnologias capazes de coletar e tratar informações georreferenciadas, de forma a permitir o desenvolvimento constante de novas aplicações.

Algumas tecnologias que permitem o alcance de tais resultados são:

Sensoriamento remoto (SR)

Tecnologia que permite a captação de imagens por meio do uso de sensores e instrumentos em geral. Tal processo está relacionado ao tratamento, ao armazenamento e á análise de tais dados para que se conheça melhor os fenômenos que ocorrem na superfície.

Vale destacar que é possível conhecer, por exemplo, muitos dados geográficos e até históricos referentes aos espaços naturais e também sociais, como o crescimento das áreas urbanas, o desmatamento, entre outros.

Sistema de Informação Geográfica (SIG)

Essa tecnologia SIG é composta não só de softwares, mas também de metodologias aplicadas. De forma geral, o SIG processa dados gráficos (por exemplo, mapas) e alfanuméricos (por exemplo, tabelas) com a finalidade de desenvolver análises espaciais e modelagens específicas.

Sistema de Posicionamento Global (GPS)

É considerada uma das ferramentas mais modernas e precisas para a determinação de um ponto na superfície terrestre. De forma geral, trata-se de um sistema que possibilita conhecer o posicionamento geográfico de determinados lugares na Terra, desde que haja um receptor de sinais de GPS.

Quais as aplicações do geoprocessamento?

O geoprocessamento pode ser aplicado em tudo o que pode ser posicionado. No entanto, é importante destacar que não se deve confundir geoprocessamento com SIG, com CAD ou ainda com Software de SIG. 

Entre algumas aplicações do geoprocessamento se destacam:

  • estudos ambientais;
  • segurança pública;
  • gestão de recursos naturais;
  • planejamento urbano;
  • agricultura;
  • turismo, entre outros.

Uma vez coletadas as informações geográficas, o geoprocessamento torna-se uma importante ferramenta para os profissionais que precisam lidar com grandes extensões territoriais e aprofundamento de estudos.

O geoprocessamento pode ainda contribuir com:

  • a representação de relatórios para a solicitação de verbas aos órgãos públicos para a execução e a implementação de projetos;
  • o planejamento e a definição de objetivos conforme a expansão dos negócios;
  • a elaboração de cenários e estimativas para o “antes” e o “depois” do projeto.

Gostou do nosso post? Siga-nos nas redes sociais e fique por dentro de todas as nossas novidades! Estamos no Facebook, no LinkedIn, no Twitter e no Youtube!

Banner Planilha ROI SIMOVA - concessionarias
Banner Planilha ROI SIMOVA construcao