Alcançar um patamar de sucesso e competitividade no mercado não é um desafio simples — sobretudo quando falamos de assuntos importantes, como a gestão das ordens de serviço. Para começar a falar sobre esse tema, é preciso compreender que uma empresa vai muito além da venda de seu produto ou serviço.

O diferencial entre uma solução tradicional e aquelas que se destacam está justamente nas técnicas que promovem a eficiência dos processos organizacionais, algo que pode reduzir os custos administrativos e, assim, revertê-los em qualidade do produto e satisfação do consumidor.

É justamente daí que surge a necessidade de fazer um controle eficiente das ordens de serviço e, foi pensando nisso, que preparamos esse artigo com as principais dicas para você colocar esse hábito em prática hoje mesmo. Pronto para uma mudança?

Defina e controle os prazos

Como as ordens de serviço contém informações necessárias para formalizar e executar um serviço com êxito, é preciso que questões como o prazo de execução e o tempo gasto pela equipe com cada cliente sejam bem definidas.

Isto cria uma base de dados em que  os gestores podem extrair informações diretas sobre qual seria uma estimativa média de horas para executar determinado serviço, bem como um planejamento objetivo sobre como cobrar o cliente. Certamente vale a pena investir nesse controle extra para as ordens de serviço.

Utilize um sistema de gestão

Não restam dúvidas de que estamos na era da inovação tecnológica e o gerenciamento das ordens de serviço precisa seguir essa tendência. Quando a empresa consolida suas prestações por meio de um sistema, é possível agregar valores de eficiência e produtividade em tudo que é realizado.

Para o caso das ordens de serviço, um sistema de gestão é ainda mais importante, já que costuma permitir acesso de qualquer local através de somente uma conexão com a internet. Dessa forma, é possível agir rapidamente e acompanhar com atenção o trabalho de toda a equipe.

Monitore dados das ordens de serviço em campo

Esta não é uma tarefa simples, já que a maior parte das empresas formaliza suas ordens de serviço por métodos básicos, como fichas ou formulários em papel. Nesses casos, os dados da prestação de serviço são recebidos pelo gestor apenas quando tudo já foi finalizado — e, nisso, muitas informações são perdidas.

O ideal é utilizar uma plataforma específica para esta tarefa. Quando o assunto é a qualidade das ordens de serviço, é importante que tudo seja monitorado em tempo real. Para ter bons resultados, a empresa deve analisar de perto seu processo operacional e, principalmente, aplicar as mudanças necessárias para garantir um padrão de excelência.

Conheça sobre apontamento eletrônico

O apontamento eletrônico nada mais é que uma tecnologia capaz de gerenciar as horas efetivas de trabalho em um projeto que elimina completamente formulários e processos manuais. Tudo pode ser gerenciado por meio da internet, até mesmo projetos com equipes que trabalham com ordens de serviço de forma remota.

A empresa pode experimentar diversos benefícios em suas ordens de serviço e alguns deles podem ser destacados a seguir, como:

  • a usabilidade, que é a agilidade para o trabalho em campo;

  • localização precisa, a possibilidade de apontar exatamente o local de execução dos serviços;

  • a facilidade por conta da interface prática e de rápida adaptação;

  • os dados reais que registram a data e hora em tempo real.

 

Com estas dicas, o processo de gerenciamento e controle das ordens de serviço fica mais simples e mais prático de ser realizado, uma vantagem que oferece a você é a oportunidade de focar em outras áreas da sua empresa que precisam de maior supervisão.

E então? Já adota uma solução inteligente para a gestão das ordens de serviço no seu negócio? Caso tenha gostado desse material, aproveite para assinar nossa newsletter e receber o conteúdo que preparamos em primeira mão!

Banner Planilha ROI SIMOVA - concessionariasPowered by Rock Convert